segunda-feira, 29 de outubro de 2012




decidi que não havia
mais chuva:

desgravei o teu nome
do meu coração

como um eucalipto
apressado

a tua música elevou-se
contendo a tristeza
do aluvião

Sem comentários:

Enviar um comentário