quarta-feira, 31 de outubro de 2012



os pintores podem fazer
coisas extraordinárias
apenas com o que sobra
no silêncio de uma casa

uma mãe dormindo
com a ascenção do outono
demorando a inutilidade
dos gatos

uma jarra de girassóis
secando para dentro da
eternidade

como uma luz de verão
que se fecha no coração
de uma lâmpada

e depois é tudo poesia
à espera de secar




Sem comentários:

Enviar um comentário